Alguns dados sobre franquias

Em 2012, o faturamento total do setor de franquias atingiu R$ 103 bilhões, alcançando um crescimento de 16,2% em relação a 2011, segundo a Associação Brasileira de Franchising. O número de franquias aumentou de 2.031 marcas para 2.426 no mesmo período, um crescimento de 19,4%.

O crescimento das redes de franquias proporcionou um aumento de sua participação no PIB, passando de 2,1% em 2011 para 2,3% em 2012; gerando um aumento de 12,3% em relação ao número de empregos.

Quanto ao número de unidades ou pontos, o segmento se expandiu de 93.098 para 104.543.

Portanto, os números revelam o crescimento das franquias e a maturidade do setor de franchising.

Fonte: UOL Economia e Dinheirama.com

Saiba quais são os melhores e os piores setores para investir no segmento de franquias

Investir em franquias não é garantia de sucesso; porém escolher a área mais “aquecida” do momento pode diminuir os riscos do investimento.

A área que mais cresceu em faturamento, com aumento de 97,8%, foi Hotelaria e Turismo. Em seguida, Limpeza e Conservação, com 44,5%, e Informática e Eletrônicos, com 32,5%.

Por outro lado, os setores com menor desempenho foram Fotos, Gráficas e Sinalização, com expansão de apenas 1,6%; Negócios, Serviços e Outros Varejos (que inclui postos de gasolina, supermercados, lojas de conveniência, transporte e logística, serviços financeiros, livrarias e papelarias, pet shops e vendas por catálogos) cresceu 2,6%; e Educação e Treinamento, 10,3%.

Esporte, Saúde, Beleza e Lazer também tiveram sua participação. A área com maior faturamento teve uma expansão de R$ 3,2 bilhões (22%), número superior ao faturamento total de outros segmentos.

Essas informações ajudam a identificar os setores de maior crescimento, mas não garantem, por si só, o sucesso futuro do franqueado. Portanto, cabe ao investidor coletar o máximo de informações possíveis para tomar decisões racionais e favoráveis para atingir seu objetivo.

Fonte: Dinheirama.com

Evitando decepções com franquias e franqueados

Diversas redes de franquias vêm oferecendo um test drive aos potenciais franqueados, os interessados em adquirir uma franquia são convidados a realizar todas as atividades em uma unidade já em funcionamento. Normalmente, eles permanecem de um a três dias, desde a abertura da loja até a saída do último funcionário. “Ver a pessoa em ação diminui a possibilidade de escolher alguém com perfil inadequado”, afirma Filomena Garcia, sócia-diretora da consultoria Franchise Store.

Fonte: Exame.com

Como escolher a melhor franquia

Antes de tomar qualquer decisão pesquise detalhadamente sobre o sistema e entenda como funciona. Em seguida, realize uma autoavaliação e veja se tem perfil para franqueado. Analise suas preferências, habilidades e motivos para querer ter um negócio e por que a melhor maneira de abrir esse empreendimento seria por meio de franquias. Concluída a análise, saiba, dentro de um universo de mais de 1.800 marcas, de segmentos variados, quais estão de acordo com as suas expectativas, desde o valor de investimento até os valores da empresa.

Fonte: Ricardo Bomeny, Pequenas Empresas & Grandes Negócios